A fotógrafa Anna Radchenko analisa o equilíbrio na questão da criação dos filhos, levantando em um projeto dedicado ao amor de mãe que äs vezes pode se tornar algo misterioso, trágico e longe de ser o que realmente é o amor.

Com imagens grotescas e exagero as vezes de maneira repulsiva deixam clara a mensagem do que infelizmente, são os problemas psicológicos típicos nas relações entre pais e filhos: desejos latentes de pais, rigor e disciplina excessivos, o controle total e superproteção.

11695-R3L8T8D-650-9 11694-R3L8T8D-650-8 11693-R3L8T8D-650-7

11692-R3L8T8D-650-6 11691-R3L8T8D-650-5 11690-R3L8T8D-650-4

11689-R3L8T8D-650-3 11681-R3L8T8D-650-17

11678-R3L8T8D-650-16 11672-R3L8T8D-650-11 11675-R3L8T8D-650-13

11671-R3L8T8D-650-10 11676-R3L8T8D-650-14 11670-R3L8T8D-650-1

Fotos 

Comentários